Resenha: As Vantagens de Ser Invisível - Stephen Chbosky / Rocco


"Mais íntimas do que um diário, as cartas de Charlie são estranhas e únicas, hilárias e devastadoras. Não se sabe onde ele mora. Não se sabe para quem ele escreve. Tudo o que se conhece é o mundo que ele compartilha com o leitor. Estar encurralado entre o desejo de viver sua vida e fugir dela o coloca num novo caminho através de um território inexploradoO mundo dos primeiros encontros amorosos, dramas familiares e novos amigos. O mundo de sexo, drogas e do Rocky Horror Picture Show, quando o que todo mundo quer é aquela música certa que provoca o impulso perfeito para se sentir infinito."


Esse livro conta de forma sensível a história de Charlie, um adolescente isolado e tímido, que vê a vida passando, mas prefere não participar dela.

O livro é contado de forma um tanto incomum, Charlie nos conta sua história através de cartas que escreve para alguém que não sabemos quem é, mas é através delas que conhecemos a sua vida e seus sentimentos.

Lembro que no post Top 5+1, eu disse que só de ler a sinopse eu já me identifiquei com o Charlie, e que esperava com a leitura do livro me identificar ainda mais, dito e feito, eu não chorei, mais fiquei com o coração apertado lembrando de algumas coisas que vivi quando adolescente.

Charlie sempre foi um garoto muito solitário, tinha poucos amigos na escola, nós percebemos logo de cara que Charlie é um garoto diferente, mais sensível e suscetível a mudanças de humor, até meio infantil às vezes, como por exemplo, chorar estando triste ou feliz na frente das outras pessoas, percebemos que ele tem algum problema, mas isso não é explicado logo de cara, e quando é, você fica de queixo caído.

A história começa quando Charlie esta prestes a entrar no ensino médio, e no ano anterior seu melhor amigo havia tirado a própria vida, nós já percebemos o quanto Charlie é diferente quando ele diz:

“Michael não deixou nenhum bilhete, ou pelo menos seus pais não deixaram ninguém ver um. Talvez fossem “problemas em casa”. Eu bem que gostaria de saber. Assim eu sentiria a falta dele com mais clareza. A dor poderia fazer sentido.”

Tudo muda na vida dele quando ele decide participar das coisas e conhece os irmãos Patrick e Sam, não, eles não são as pessoas mais populares da escola, mas eles acolhem Charlie, o integra as suas vidas, e assim a dele próprio. Eles são os melhores amigos que alguém poderia ter, eles o entende, é bonito de ver o quanto Charlie muda quando passa a compartilhar seus sentimentos, amor, amizade, carinho com outras pessoas – sem ser seus familiares.

O que mais eu gostei em Charlie, é como ele entende as coisas, parece ser diferente das demais pessoas, e realmente é, ele por exemplo, não entende o que as pessoas tanto lêem nessas revistas de fofocas, onde as celebridades estão sempre falando de uma dieta nova, e as pessoas parecem pautar suas vidas através daquilo, ele não entende, eu também não. E não é só isso, ele fala das coisas de uma forma tão diferente, que realmente te deixa pensando nas coisas.

Entre os amigos novos e as novas descobertas, Charlie passa a fazer aquilo que ele nunca fez, ele participa, de seu jeito doce, inocente e sincero, ele passa a viver de forma intensa a sua vida. Eu amei Sam e Patrick, eles também tem os seus problemas e suas dificuldades, eles não são perfeitos, mas são os melhores amigos que  qualquer um poderia ter. 

Além das novas descobertas, também conhecemos os dramas familiares de Charlie e a relação com sua família, que não é um mar de flores - qual é? - mais é um delícia de ler, eles podem brigar, podem se desentender, mais são uma família unida. Outra coisa sobre Charlie que é maravilhosa é a sua relação com o professor, e confesso, queria ter um professor assim, ele percebe as peculiaridades de Charlie e suas dificuldades, então o estimula principalmente pela leitura de livros - clássicos da melhor qualidade, tais como O grande gatsby e O apanhador no campo de centeio - a se abrir para o mundo. E além de tudo isso o  livro também aborda várias questões como, sexo, drogas, homossexualismo, estupro, gravidez precoce, violência, em poucos páginas, mais de forma intensa e realista, por isso vale muito a pena.

Eu não vou falar mais nada, por que eu sou péssima para fazer resenha de livros que eu amei. Para quem esta procurando uma leitura emocionante, então, As vantagens de ser invisível é uma ótima opção. 

Quote:
" Quando chegamos ao fim do túnel, Sam deu um grito muito divertido, e foi isso. Chegamos ao centro. As luzes nos prédios e todo o resto eram maravilhosos. Sam se sentou e começou a rir. Patrick também riu. Eu comecei a rir. E naquele momento eu seria capaz de jurar que éramos infinito." pág. 49


Nota: 


O filme tem previsão de estréia para 2 de novembro, e eu estou mega ansiosa para ver, acho até que vou reler o livro agora. Veja o trailer: 

A Emma e o Ezra estão perfeitos como Sam e Patrick, lindos.

E para aqueles que estão morrendo de vontade de ler o livro, boa notícia, o livro está em pré-venda na Saraiva. Confiram aqui.

18 comentários:

  1. Você realmente quer me matar de tanta curiosidade e expectativa com esse livro não é Ju?
    Você o quanto eu quero ler esse livro e acho que em breve vou comprá-lo. Minha mãe vai viajar e talvez eu vá junto e então vou convencê-la a ir na Cultura ou na Saraiva para comprar ^^
    Beijos flor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não me culpe! Tenho CERTEZA que você vai amar o livro. É linda demais a história, já quero reler. Tomara que você encontre mesmo!

      Excluir
  2. Também gostei muito de As vantagens de ser invisível e nem tentei falar sobre ele no post, pois até agora não sei muito o que dizer sobre ele além de que me fez pensar muito e que eu também me identifiquei com Charlie logo na sinopse.
    Quero muito ter o livro, li em e-book, pena que não "posso" comprar nenhum até meados de dezembro. Ainda assim fiquei feliz em saber que ele está sendo vendido novamente, pois quando li (em julho) não tinha encontrado para comprar.
    Estou ansiosa pelo filme também, pena que está longe ainda heheh

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Raquel entendo, eu quase não consegui escrever sobre o livro, é tão difícil descrever em palavras aquilo que senti lendo o livro.
      Foi difícil encontrar, comprei no Estante Virtual. Eu pensei que iam vender com a capa do filme, mas acho que eles devem fazer isso numa próxima edição.
      O filme tem tudo para ser perfeito.

      Beijokas

      Excluir
  3. Nossa eu quero muito ler esse livro, só pela sinopse eu já sabia que ele era feito para mim, além de adorar livros dramáticos eu gosto muito quando eles falam de assuntos polêmicos como aborto, homossexualidade, etc, de maneira bem escrita lógico, mas pelos elogios que eu ouço sobre esse livro não tenho dúvidas de que ele seja bem escrito.
    Abraços.

    http://viciadoemlivrosefilmes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tinha altas expectativas com o livro, e todas elas foram correspondidas, o livro é sensacional e muito bem escrito.

      Beijokas

      Excluir
  4. Miga confesso que não conhecia esse livro e após ler sua resenha fiquei curiosa, mas como minha lista esta enorme provavelmente verei o filme antes ler!!!!! Parabéns por mais uma bela resenha. Adoro Qnd venho aqui e vejo coisas novas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom saber que eu trago novidades que agradam, sabe a minha pilha de livros esta enorme também, mas eu não me canso de aumenta-la, é um vício.
      Estou super ansiosa pelo filme, tenho altas expectativas.

      Beijokas

      Excluir
  5. Eu quero muuito ler esse livro, uma amiga minha falou que chorou bastante lendo ele e eu quero muito lê-lo. Entendo que você não tenha chorado, mas acho curioso que tenha se indentificado com o personagem e ter sido forte o suficiente para não chorar, SHUAUSUHAS, pq eu sou mt besta p chorar, digo logo, rs.
    Quero muito assistir ao filme também, mas quero mais ler o livro!
    Beijoo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe o que é, eu quase não choro lendo, é muito raro, só aconteceu duas vezes, eu não achei a história triste, e é preciso ser bem triste para mim chorar, essa história me deixou feliz e emocionada, esse tornou uma das minhas favoritas.

      Excluir
  6. Quero MUUITO ler! Ainda não tinha encontrado uma resenha sobre o livro, acredita? Adorei ter achado uma aqui. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, eu também não tinha visto muitas resenhas desse livro, provavelmente agora com o filme, e o relançamento do livro tenho certeza que vai ter mais.

      Bjs

      Excluir
  7. Eu piro toda vez que leio uma resenha desse livro. Ele é MUITOMUITOMUITO amor, gente!
    Sério que você não chorou lendo? Eu parecia um bebê hahah [E considerando que a maior parte da leitura dele foi feita em público, não foi uma coisa bonita...]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahh, eu não sou muito chorona quando estou lendo, mas confesso que cheguei a ficar com os olhos cheios de água, por que a história é emocionante.

      Beijokas

      Excluir
  8. AHHH, mais uma resenha pra coleção de resenhas que tô lendo desse livro e que me fazem querer e MUITO lê-lo *O* Pena que agora vou parar nas compras, por que a lista de leitura tá enoorme, mas queria tanto ler o livro antes do lançamento do livro :/

    Beijos ;}
    Meu outro lado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, esse livro é muito lindo, é muito tocante e só não me levou as lágrimas por que eu não sou muito de chorar lendo, mas é emocionante.

      Beijokas

      Excluir
  9. Oi Juliana, tudo bem?
    Nossa, esse livro esta me chamando a atenção a dias. A cada resenha nova fico cada vez mais apaixonada pelo Charlie. Parece ser um livro cativante, forte, intenso e cheio de elementos que nos fazem refletir sobre a vida de alguma forma. Amei sua resenha, fiquei ainda mais apaixonada pelo Charlie, e to achando que a minha escolha de livro pra comprar esse mês está cada vez mais difícil.
    Abraços,
    Amanda Almeida

    ResponderExcluir
  10. Oi Juliana,realmente é um livro diferente aos que estou acostumada a ler,mas aborda assuntos pelo que pude ver na resenha interessantes.
    Gostei da abordagem dele,uma ótima dica para o pessoal.
    Alexandra
    Magiasbook

    ResponderExcluir

Oi!! Eu falo muito abobrinha, então obrigado por comentar.

Lembre-se de ter cuidado com os spoilers, e sempre respeite as opiniões contrárias.