Desafio Literário 2013: O Segredo de Emma Corrigan


Todas as resenhas que li desse livro o descreviam como "o livro da vergonha alheia", mas nem em um milhão de anos eu poderia adivinhar que seria tanto assim. O problema é que Emma simplesmente não consegue ficar de boca fechada, e isso a coloca em cada situação embaraçosa que você nem pode imaginar.

Emma não tem uma carreira definida, por isso vive pulando de emprego emprego, há quase um ano ela vem trabalhando como assistente de marketing, em uma grande empresa, mas a verdade é que ela só vive atendendo o telefone, enviando memorando e servindo café, porém ela recebe uma grande chance que pode mudar sua carreira. Ela teria que comparecer a uma reunião em Glasgow, o negócio já estava fechado, ela só precisaria apertar algumas mãos, infelizmente as coisas não saem nada bem.

Como as coisas com Emma parecem sempre dar errado, no voo de volta para casa, ao achar que o avião iria cair, já que estava passando por uma grande turbulência, ela decide falar todos os seus segredos ao passageiro ao lado, por algum motivo que só o universo sabe, só que o avião não cai, e ela só para de falar  quando o avião pousa, mortificada por ter contado tudo sobre ela a um completo estranho, ela não se preocupa tanto, por que jamais pensou que se encontraria com ele de novo. Ah se ela soubesse.

Qual não é a surpresa de Emma quando Jack Harper, o dono da empresa em que ela trabalha, seu chefe, vem visitar a filial em Londres, e por um acaso é o mesmo estranho da poltrona ao lado, aquele para o qual ela contou coisas como:

  • "...coloquei no meu currículo "Nota A" na prova de matemática do CGSE, mas na verdade só tirei C. Sei que foi desonesto. Sei que não deveria ter feito isso, mas eu queria tanto conseguir o emprego."

  • "...realmente queria ter peitos maiores. Quero dizer, não tamanho extra GGG, não enormes e estúpidos, mas você sabe, maiores. Só para saber como é." 

  • "... decididos a achar meu ponto G, por isso a gente passou a semana inteira transando em posições diferentes, e no fim eu estava acabada, só queria pizza e assistir Friends."

E coisas muito piores sobre seus colegas de trabalho, seu namorado, sua primeira vez, e tantas outras coisas embaraçosas que você pode imaginar.

Nunca aconteceu comigo, mas dizem por aí, que as vezes de situações totalmente desagradáveis, pode surgir uma coisa boa, e é isso que acontece com Emma, Jack é uma pessoa muito boa, apesar de ficar implicando com ela de vez em quando, ele não faz nada contra ela, na verdade ele fica bem interessado, se é que você me entende.

No começo ela não percebe o quanto ele está a fim dela, e como ele sempre arranja uma desculpa para ficar perto dela, as coisas entre eles demoram um pouquinho a acontecer, mas a tensão que fica no ar quando os dois estão já vale a pena.

Para quem gosta de romance com bastante humor, vai amar esse livro, a gente sabe que chick-lit tem a tendência de ser bem clichê, mas para quem gosta, eu recomendo o livro, ele é fofo, rapidinho de ler, tem muito humor, personagens apaixonantes, e você termina com vontade de quero mais, por mim o livro teria mais umas duzentas páginas de tão bom que é.

Nota:

Top 10 (por que não consigo escolher só 5) capas mais bonitas da estante


A caminho do verão
Depois de apenas dois livros lidos, Sarah Dessen é uma das minhas autoras favoritas, ela escreve de forma tocante e inspiradora, é muito fácil se identificar com seus personagens. Nesse livro ela conta a história de uma garota que pensa saber tudo sobre a vida, mas ao tomar a decisão de ir passar o verão com seu pai e sua nova família, em uma pequena cidade litorânea, ela vai aprender mais do que jamais imaginou que precisasse.


Os 13 porquês
Eu ainda não li esse livro, mas imagino que ele vai me levar as lágrimas ao contar a história de uma menina que tirou a própria vida, mas antes de morrer deixou uma série de fitas nas quais explica o que a motivou a cometer suicídio.


Emily The Strange (Resenha)
O livro mais lindo (e caro) da minha estante conta a louca viagem de Emily a pequena cidade de Blackrock, e seus habitantes para lá de esquisitos. Não dá para contar muito do enredo sem spoiler, mas para quem gosta de personagens inteligentes (e um pouco mal-humorados) vai se encantar por Emily.


Leviatã
Outro da lista que ainda não li, mas não vai ficar assim por muito tempo. A capa é ainda mais linda pessoalmente, é para ficar admirando por horas. Espero que a história seja boa, mas sendo steampunk, eu imagino que sim.


A garota Americana (Resenha)
Esse foi o primeiro livo que eu comprei na vida, confesso que fui muito atraída pela capa, mas também como não? É tão linda. Eu sempre vou as gargalhadas com a historia de Samantha, que salva a vida do presidente justamente quando estava matando aula, e mesmo assim se torna a garota mais famosa e importante do país.


A maldição do tigre (Resenha)
Depois de ficar saturada de romances sobrenaturais (leia-se: depois de ficar absolutamente traumatizada com Paixão) essa história foi um refresco. Eu me apaixonei profundamente pelos personagens, mesmo a Kelsey e seu complexo de rabanete. É um romance cheio de aventuras, tigres e reviravoltas.

Zumbis x Unicórnios (Resenha)
Contos escritos pelos autores mais famosos dentro do universo YA. Contos sombrios, engraçados e surpreendentes destas criaturas que permeiam o imaginario popular.

A Seleção
Depois da excelente resenha das meninas do Fallen in me, decidi comprar o livro. Quando ele chegou fez o maior sucesso aqui em casa, todos acharam lindo demais. Só espero que a história seja tão linda quanto.


Longe Demais
Esse livro conta a história de Meg, que depois de ser pega com os amigos cometendo uma infração, e condenada assim com eles a ficar uma semana acompanhado o trabalho do policial John After, mesmo improvável os dois se tornam muito próximos, e mesmo que seja proibido os dois se apaixonam.

Visão do Além (Resenha)
Foi por causa da capa que eu me interessei por esse livro, a história é sensacional, cheia de suspense que te prende do inicio ao fim.

Lançamentos para 2013 mais aguardados

Era para esse post sair pequeno, mas não tem como não se empolgar falando dos livros que tanto quero ler, fiz um resuminho bem básico de cada um dos lançamentos, por isso vou deixar os links para o skoob, alguns estão em inglês, mas vou deixar assim mesmo.



Will Grayson, Will Grayson - John Green e David Levithan (Skoob
Depois do lançamento de A culpa é das estrelas no ano passado, John Green se tornou queridinho entre os leitores brasileiros, e até que enfim seus outros livros serão lançados por aqui, o primeiro (na verdade o primeiro dele sai em março pela Intrínseca) será Will Grayson, Will Grayson que o autor escreveu junto com David Levithan, autor de Nick e Norah, também publicado pela Galera. E não só por ser um livro do John que eu tenho interesse, a história é promissora, com promessas de suspiros e muitos "owns".
Previsão de Lançamento: Abril | Galera Record


A probabilidade estatística do amor a primeira vista  - Jennifer E. Smith (Skoob
Primeiro de tudo, como não querer ler um livro com um nome desse, e que promete um romance fofo sobre o primeiro amor? Não dá para resistir, e além do romance, também discute sobre os laços familiares, tão importantes para todos nós.
Previsão de Lançamento: Março | Galera Record


Abandon - Meg Cabot (Skoob
Meg Cabot, não preciso dizer mais nada.
Brincadeira... Nesse novo romance, Meg promete reinventar a história de Persefóne, que para quem não conhece, foi forçada a manter um relacionamento com Hades, que admirado com sua beleza, a raptou-a, pois lhe foi concedida a mão por Zeus, seu pai, mas sua mãe desolada com sua partida esqueceu-se de seus afazeres, tendo assim, uma grande escassez de comida. Por ter experimentado comida do mundo inferior, Persefone, foi obrigada a permanecer pelo menos metade do ano no lá, e a outra metade com sua mãe. Quem aí, esta ansioso para ler a Meg falando sobre mitologia grega?
Previsão de Lançamento: Março | Galera Record


Slammed - Colleen Hoover (Skoob
Depois de Belo Desastre introduzir com sucesso o gênero New Adult no Brasil, esse ano teremos publicações do gênero em várias editoras. Eu não li Belo Desastre, apesar de já ter ele na estante há um tempo,  acho o gênero bem bacana, eu não tenho muitas informações desse livro, mas do pouco que eu li, a história parece boa.
Previsão de Lançamento: Abril | Galera Record



Paranormalcy - Kiersten White (Skoob
Eu sou o tipo de pessoa que quando vê um livro com uma capa maravilhosa como essa já me interesso automaticamente.  Romance sobrenatural, quem não gosta? Eu amo! O livro conta a história de Evie, uma garota solitária, que não se considera normal, já que trabalha desde cedo para a IPCA, uma organização que rastreia os seres sobrenaturais que estão no mundo, e tem total controle sobre eles. Além dos típicos problemas adolescentes, você sabe problemas com ex, e amigas que talvez não sejam o que parece, ainda se apaixona por um desses seres, e tem que investigar um misterioso assassino.
Previsão de Lançamento: Segundo semestre, sem data definida.


The future of us - Jay Asher e Carolyn Mackler (Skoob
Do mesmo autor do aclamado livro Os 13 porquês, esse promete uma crítica ao estilo de vida atual de se expor nas redes sociais. A sinopse desse livro é super fofa, conta a história de dois amigos, que em 1996 depois de criarem suas contas de e-mail, estranhamente têm acessos as suas contas do facebook no futuro. E ficam viciados em saber o que acontece em seu futuro, mas precisam aprender que não podem viver a vida pensando o que o futuro lhes reserva sem viver o presente.
Previsão de Lançamento: Maio | Galera Record


A descontrução de Mara Dyer - Michelle Hodkin (Skoob
Por tudo que já li sobre esse livro, não há muitas informações sobre a história, só uma montanha de elogios a um YA cheio de suspense, em que muitas vezes seremos questionados sobre o que é verdade ou não. Quem não gosta de um suspense, ainda mais se chega a um excelente clímax? E só mais uma coisinha, o mocinho é britânico.
Previsão de Lançamento: Maio | Galera Record


Everyday - David Levithan (Skoob
Eu li a sinopse desse livro há um tempão e de cara me interessei pela história. A história já e tocante desde a sinopse, conta a historia de A, que não sei ao certo o que é, um espirito, uma entidade, e que esta condenado a viver cada dia em um corpo diferente, assim é sua existência, até o dia que se apaixona, e precisa arranjar um jeito de viver esse amor. mas como obrigar a sua amada a amar cada dia uma pessoa diferente.
"Na minha experiência, desejo é desejo, amor é amor. Eu nunca me apaixonei por um gênero. Eu me apaixono por indivíduos. Eu sei que é difícil para as pessoas fazerem isso, mas eu não entendo por que é tão difícil se é tão óbvio."
Previsão de Lançamento: Sem data definida, provavelmente no segundo semestre "dedos cruzados, preciso desse livro"


The Ghost and the Goth - Stacey Kade (Skoob
Eu conheço muitas pessoas que acham capas, como a desse livro, bem feiosas, mas a verdade é que eu adoro, e ela e o título me fizeram ficar apaixonado pelo livro, antes mesmo de ler qualquer coisa sobre ele. A história promete ser bem engraçada, apesar de seu começo, digamos trágico, já que Fionna morre atropelada, e seu espírito passa a vagar pelos locais conhecidos, inclusive a escola, e lá ela descobre que o garoto esquisito, é o único que consegue vê-la, e ela não deixará ele em paz nem um segundo, mesmo que nunca tenha pensado em conversar com ele, ainda mais depois de morta.
Previsão de Lançamento: Sem data definida| Novo Século


Die for me - Amy Plum (Skoob
Esse livro me chamou a pelo título, e assim que li a sinopse, fiquei ansiosa pelo lançamento. Um romance sobrenatural em Paris, sério, vocês precisam de algo mais? Ok. Depois de um acidente que vitimou seus pais, ... e sua irmã ... vão morar em Paris com os avós. Enquanto uma se entrega a vícios, a outra se fecha em seu próprio mundo, até se deparar com um estranho que mudará sua vida.
Previsão de Lançamento: Julho | Farol Literário


The demon lexicon - Sarah Rees Brennan (Skoob
Desde a primeira resenha desse livro eu fiquei louca de ansiedade para ler, assim como acontece com quase todos dessa lista, mas com esse aqui, as coisas foram um tanto diferente, acho que de todos esse é o que eu mais quero ler, e o mais difícil de sair, já que a previsão de lançamento da Underworld era para o final de 2011, mas oremos, por que TEM QUE SAIR. O livro conta a história de dois irmãos que juntos da mãe estão fugindo de um poderoso feiticeiro. Mas quando um dos irmãos é marcado para morrer por um demônio, a caça vira caçador e segredos do passado há muito escondidos serão revelados.
Previsão de Lançamento: | Underworld


Resenha: Soul Love - Linda Waterhouse / Melhoramentos


Sabe quando você lê a sinopse, uma resenha, ou um comentário sobre um livro e sente lá no fundo do seu coração que você PRECISA daquilo para sobreviver? Isso já me aconteceu algumas vezes, e é diferente de você se interessar em ler o livro somente, é quase uma necessidade urgente da qual sua vida depende para conseguir seguir em frente. Ok, estou sendo dramática, mas é a verdade é que eu fiquei basicamente assim quando li a sinopse de Soul Love.

E não foi fácil conseguir o livro, estava esgotado em todos os lugares, sabe o que isso faz com uma pessoa ansiosa que nem eu? É muito difícil, mas enfim li o livro, e só posso dizer que toda ansiedade, expectativa e urgência foram atendidas por uma excelente trama.

O que eu mais gostei nessa história é como ela conseguiu me surpreender, por que durante a leitura, quando você vai conhecendo os personagens, você não espera o que esta por vir, é realmente surpreendente, a autora fez uma escolha muito acertada, mesmo que triste.

O plot da história é comum, adolescente de cidade grande depois de aprontar todas e deixar a mãe de cabelo em pé, recebe como castigo ir passar o verão no interior com a tia meio hippie, e lá ela passa a enxergar a vida de outras formas, convenhamos, né? Não é muito diferente de milhões de histórias que vemos por aí. Mas o segredo de contar uma história comum e nos surpreender é não cair nos mesmos clichês de sempre, e isso com certeza não se aplica aqui.

Depois de ser expulsa do colégio e não querer dedurar seus amigos, Jenna leva sua a mãe a exaustão e como castigo irá passar o verão com a tia riponga em Little Netherby, uma cidadezinha no interior da Inglaterra. Sua tia Sarah acaba de passar por uma grande desilusão amorosa, e por estar muito deprimida acaba delegando a Jenna responsabilidades que ela nunca teve, tudo o que a menina menos queria na vida.

E assim como muitas coisas na vida que acontece por um acaso, ou destino, o que seja, ela conhece Gabbe, o misterioso garoto da casa ao lado, aquele que ela viu pela amanhã, lendo um livro somente de jeans, e o acaso ou destino faz com que os dois se encontrem muitas vezes, e que uma atração mútua nasça ali, Jenna não esperava por nada do que aconteceria dali para frente, nunca imaginou que se apaixonar mudaria toda sua visão da vida.

Por mais que estejam bem juntos, e que saiba que Gabbe gosta dela, não há como se livrar da sensação de que ele esconde algo, que aparentemente só compartilha com Cléo, sua melhor amiga e confidente, que não vê nada bem o relacionamento dos dois.

Eu já sabia o que era o segredo de Gabbe, mas juro que se não tivesse ideia, teria sido um choque, por que não é algo que você espera, é algo devastador, e assim como faz com que Jenna enxergue a vida de outra forma, que ela deveria dar mais valor para as pessoas que a ama, que sempre passou a vida reclamando de bobagens, e principalmente de que a vida pode ser cruel com as pessoas boas, e que o amor supera tudo, mas nem sempre é o suficiente para permanecer junto, te deixa horas à fio pensando na história, e no que aconteceu depois. Pode parecer clichê, mais é muito lindo a forma como a história é contada, é realmente emocionante.

Participe da promoção que esta rolando no blog, valendo o livro Tamanho 42 não é gorda, da Meg Cabot.

Nota:


Resenha: Fábulas: A Revolução dos Bichos



Para quem não conhece, Fábulas é uma HQ em que as criaturas dos contos de fadas e lendas, vivem entre os humanos, depois que perderam suas terras para uma terrível inimigo. Os sobreviventes, vivem normalmente entre os homens, trabalham e seguem suas leis, mas também são regidos por um conselho, em que a principal líder é Branca de Neve.

Nem todas as fábulas estão aptas a viver livres, por manterem em sua maioria, a forma animal, essas criaturas residem na Fazenda, os que vivem ali, nutrem um ressentimento pelos que estão livres, por isso um levante surge, liderado por Cachinhos Douradas (que pelo que eu entendi tem uma relação muito estranha com um dos ursos, oO) e quando Branca de Neve vem para a inspeção anual, uma grande luta se inicia.

O que dizer de uma história em que Cachinhos Dourados é a vilã (não é spoiler), eu sempre desconfiei que tinha algo de errado com essa garota, não é mesmo? Se ela vive invadindo casas por aí, depredando e comendo coisas alheias, não é de surpreender sua vilania. Por ter um relacionamento muito próximo (não quero saber quanto) com as fábulas que vivem na Fazenda, e por ser extremamente inteligente, ela consegue convencer há muitos de que eles precisam lutar, e desse jeito ela consegue um grande número de aliados.

Depois de descobrir as armações de sua irmã, e de puni-la severamente, Branca de Neve decide levar Rosa Vermelha a sua inspeção a fazenda. Desde que pegou sua irmã na cama com seu marido (o safado Príncipe Encantado) o relacionamento das duas não tem sido nada bom. E nessa viagem, elas terão a chance de conversar sobre isso.

O problema é que Rosa Vermelha tem um grande ressentimento da irmã, as duas, na infância, juraram que permaneceriam para sempre juntas, mas quando a popularidade de Branca de Neve se tornou muito maior que a sua, Rosa a culpou e fez de tudo para magoá-la, até chegar a medidas drásticas. Será que ele teria coragem de trair a irmã, e colocar sua vida em perigo?

Branca ao perceber que algo esta errado na Fazenda, se refugia com os animais que ainda permanecem ao seu lado, e precisa traçar um plano para acabar com o levante. Mas antes disso terá que enfrentar vários inimigos pessoalmente.

Em um desfecho eletrizante, vemos se Branca conseguirá ou não se salvar, e se Rosa tomará a decisão mais drástica de sua vida. Apesar do nome, a analogia com a obra do autor George Orwell é pequena, os animais querem liberdade, não tem direito de ir e vir, mais os porcos de Fábulas tem um fim muito mais penoso.

Confira também a resenha do primeiro volume.

Participe da promoção que esta rolando no blog, valendo o livro Tamanho 42 não é gorda, da Meg Cabot.

Nota:

Resenha: Beijos de Vampiro



Eu acho que de todos livros com vampiros que eu já li, esse é o mais recheado de clichês, o que poderia ser uma coisa ruim, por que eu estou cansada de histórias parecidas, porém, a autora não tentou criar uma nova espécie de vampiro, eles aqui são bem clássicos mesmo, na verdade, passamos boa parte do livro sem saber se eles realmente são reais, ou se são apenas uma fantasia de Raven.

Raven é uma garota gótica e mora numa pequena cidade, cheia de preconceitos e tudo mais que costuma ter por lá, mas ela não liga para as piadas, ou para olhares atravessados, Raven não esta nem aí para o que acham dela, sempre responde a altura as ofensas, principalmente as de Trevor - garoto popular, jogador de futebol e rico, você sabe - que tem uma estranha obsessão por ela, mesmo que não admita.

Como eu disse, Raven não esta nem aí para isso, o que ela mais quer, o seu maior desejo no mundo, aquilo pelo qual ela anseia desde que era uma pequena menina gótica, é se tornar uma vampira, por isso quando uma família se muda para a casa na colina, a famosa casa assombrada, Raven se põe numa investigação para saber se os novos moradores da cidade, são ou não vampiros.

É assim que ela conhece Alexander, o filho dos novos moradores, o rapaz é tudo pelo qual Raven sonhou, é gótico, gosta das mesmas coisas que ela, como por exemplo, românticos piqueniques a meia noite no cemitério, é sensível, e há uma alta probabilidade de ele ser uma criatura da noite.

Essa sua obsessão por vampiros, quase estraga seu relacionamento com Alexander, seria ele mesmo um? Ele dá mesmo sinais disso, toda a cidade esta comentando, e seu sonho pode se tornar realidade, por isso ela realmente acredita. Mas isso quase acaba com tudo entre eles.

Nem pense em fazer essa cara de "vampiros de novo", ou ficar se perguntando "Será que ela não cansa disso?". Eu pensei certa vez, que eu iria logo me cansar de livros de vampiro, mas não, eu não consigo deixar de ler, são os meus preferidos, até mesmo quando eu leio algum que não seja assim tão legal, eu não desisto e continuo a lê-los, afinal, vampiros são tão maravilhosos, sendo vilões, mocinhos, ou simplesmente pervertidos, como o Bones de Night Huntress.

Em Beijos de Vampiro, você passa a grande parte do livro sem saber realmente se Alexander é o não um, ainda mais, depois de descobri quem estava espalhando as fofocas sobre sua família na cidade, mas como o próprio titulo do livro deixa claro, você sabe que ele é, isso não é nenhuma grande surpresa ou spoiler, é só algo muito evidente. Raven é uma protagonista da qual eu gostei muito, por que ela - por mais doidinha que seja - sempre vai atrás do que acredita, não tem vergonha de ser como ela é, e nem se deixa abater pelas criticas e olhares feios dos outros, e ainda por cima é uma grande amiga.

Participe da promoção que esta rolando no blog, valendo o livro Tamanho 42 não é gorda, da Meg Cabot.

Nota:

Resenha: Samantha Sweet, Executiva do lar - Sophie Kinsella / Record



Samantha Sweet é uma advogada de sucesso, trabalha 24 horas por dia, e praticamente não tem vida social, quem eu to querendo enganar, ela não tem vida social, sua vida se resume a se tornar sócia de uma firma de advocacia, a qual ela já dedica 7 anos. Samantha é tão workhoalic, que sua última folga, provavelmente foi quando ela ainda era criança.

Mas tudo isso esta para acabar, no dia mais esperado de sua vida, aquele em qual seria escolhida como sócia, Samantha descobre que cometeu um erro de 50.000.000 de libras, totalmente desnorteada, já que se torna impossível reparar esse erro, ela sai sem rumo, e de alguma forma vai para bem longe de Londres, em frente a uma mansão, aparentemente no meio do nada.

Lá dentro ela é confundida com uma empregada doméstica, já que os Geigers estavam esperando uma, e mesmo sabendo que é qualificada para ter um emprego de alto nível, ela se senta desafiada a aceitar aquele, sem nem saber como se liga o forno, ou mesmo a máquina de lavar e muito menos como se passa uma camisa.

É simplesmente hilariante como a Samantha se vira como doméstica, só por ter um QI de 158, ela acha que pode dar conta de qualquer trabalho, o que não é verdade, por que ela queima a comida, mancha as roupas, quebra os vasos, tem que encomendar comida, pagar alguém para passar, e paga tudo isso de seu bolso, esse emprego está custando muito caro.

Os seus patrões, dois figurões meio cafonas, mas de bom coração, não percebem que de empregada doméstica Samantha não tem nada, mas ela não consegue escapar de ser descoberta, por que Nathaniel, o jardineiro, percebe de cara, que tem algo muito errado com ela.

Ela não consegue fugir dele, por que esta mais que na cara que ela não é empregada doméstica, primeiro ele acha que ela é uma golpista, mas ela diz que esta fugindo do passado, e ele se compadece, por que acha que ela esta fugindo de um relacionamento abusivo, e se torna amigo dela, tanto que oferece a mãe para dar algumas aulinhas de culinária e outras coisinhas para ela.

E tanta proximidade faz com que os dois se tornem bem mais que bons amigos, eu gostei do desenvolvimento do relacionamento deles, por que ele não começa logo de cara, demora um pouquinho, mas vale a pena por que é tão fofo, Nathaniel é um cara sensacional, do tipo que Samantha nunca conheceu, isso e seu físico estonteante, faz com que ela esqueça de vez sua antiga vida.

Mas seu passado volta para atormentá-la, preciso dizer que adorei o final do livro, principalmente por que eu não estava esperando pelo que Samantha descobriu, sua indecisão no final e a tentativa de equilibrar sua nova vida e a sua antiga, me deixou tremendamente angustiada, por que cheguei a pensar que ela colocaria tudo a perder.

Fico me perguntando por que levei tanto tempo para ler um livro da Sophie (ok, talvez os preços), é simplesmente delicioso, é uma história engraçada e leve, com personagens fofos e queridos, daqueles que você sabe que irá reencontrar em várias releituras. Agora eu estou com fome de ler Sophie Kinsella, e já até escolhi o próximo, que promete muitas gargalhadas.

Participe da promoção que esta rolando no blog, valendo o livro Tamanho 42 não é gorda, da Meg Cabot. 

Nota:



Enquanto isso por aqui #11 + Promoção



Quem acompanha o blog já percebeu que eu amo Meg Cabot, e seu eu pudesse distribuir seus livros para todo mundo se divertir e amá-los como eu, faria com certeza, mas como não posso, vou sortear um exemplar do meu livro favorito, Tamanho 42 não é gorda (capa aqui), para algum sortudo(a) ter a oportunidade de conhecer essa história super engraçada.

Regras:
- Seguir o blog pelo GFC.
- Curtir a fan page

A promoção vai de 01/02 à 28/02




*Lidos:

  1. Amanhã você vai entender - / Intrínseca
  2. Samantha Sweet, Executiva do lar - Sophie Kinsella / Record
  3. O resgate do tigre -Coullen Houck / Arqueiro
  4. Beijos de Vampiro - Ellen Shreiber/ iD
  5. Longe Demais - Jennifer Echols / Pandorga
  6. O Ladrão de raios - Rick Riordian / Intrínseca

  1. Tocada pelas sombras - Richelle Mead / Agir
  2. Promessa de Sangue - Richelle Mead / Agir
  3. V de vingança
  4. Fábulas: A revolução dos bichos
  5. Vampire Kisses #2
  6. Vampire Kisses #3
  7. A beira da Sepultura - Jeanniene Frost / Novo Século
*Compras:

  1. 13 pequenos envelopes azuis - Maureen Johnson / Underwolrd
  2. A Filha do Apanhador de Demônios - / Farol Literário
  3. A maldição de Wendigo - Rick Yancey / Farol Literário
  4. O mar de monstros -Rick Riordian / Intrinseca
  5. Os vampiros de morganville #2: Dança das Garotas mortas
*Trocas: (Trocas feitas entre Novembro e Janeiro)

  1. A canção do súcubo - Richelle Mead / 
  2. Entrevista com vampiro - Anne Rice / Rocco
  3. Filhos de Anansi - Neil Gaiman / Conrad
  4. Como fui esquecer você - Jennifer Echols / Pandorga
  5. Loucura ou Magia - Justine / Galera Record
  6. Aprendendo a seduzir - Patrícia Cabot / Essência
  7. O garoto da casa ao lado - Meg Cabot / Galera Record
  8. Amanha Você vai entender - Rebecca Steal / Intrínseca
  9. Vampire Kisses: Laços de Sangue #2
  10. Vampire Kisses: Laços de Sangue #3

*Top 5: Steampunk
  1. Leviatã - Scott Westerfeld / Galera Record
  2. O mapa do tempo - Félix J. Palma /Intrínseca
  3. Soulless - (Vai ser lançado pelo editora Valentina)
  4. Derly, Departed - Lia Habel / iD
  5. Boneshaker - Cherie Priest / Underworld

*Resenha mais + AHHHH preciso comprar
Campeãs absolutas dessa categoria, as meninas do Fallen in Me, sempre, eu digo sempre, me deixam com vontade de comprar (mais) livros. O dessa vez foi A Seleção, eu não dei muita bola para esse livro quando foi lançado, achei que a história era chatinha, mas depois da resenha das meninas, eu decidi comprar o livro, por que a história é promissora, e tem uma capa FABULOSA. Eu tenho esse problema, quando acho que um livro não tem uma história legal, nem me preocupo em saber mais, e até evito as resenhas. Com A Seleção foi assim, mas quando tenho esses "preconceitos" contra um livro, preciso de uma opinião de uma pessoa que confio, e OMG, é claro que confio nas resenhas do Fallen in Me.

*Melhor Leitura:
Vou falar de dois livros nessa categoria hoje. Primeiro, Promessa de Sangue, que livro é esse, quantas emoções, e Dimitri sensualizando demais, e eu não acredito que tem pessoas que não gostem da Rose, que isso gente, ela é de longe, uma das minhas personagens preferidas, apesar de eu não gostar do relacionamento dela com o Adrian, nessa parte, sim "odiadores de Rose" achei ela muito egoísta, e falando de Adrian, que é uma fofura, com todo aquele comportamento sarcástico, Bloodlines vem aí, em junho.

No tópico acima, eu falei sobre meu problema com certos livros, e é até vergonhoso admitir que, eu achava Percy Jackson uma história chata, só com base no filme, preconceitos à parte, depois de me dizerem que o livro é infinitamente melhor que o filme, e que a história é muito boa mesmo, eu decidi ler, e não é que achei o livro sensacional, muito bom mesmo, e já comprei a continuação, por que quero mais.