Resenha: Codinome Cassandra - Meg Cabot

5/5 [Favorito]
Depois de ser atingida por um raio e ganhar poderes paranormais, a vida de Jessica não foi mais a mesma, ela poderia ficar quieta e não dizer a ninguém sobre o que acontecia depois que ela via foto de pessoas desaparecidas, mas ela preferiu ajudar a encontrar crianças raptadas, e logo foi descoberta pelo governo, que queria usar seus poderes para fins bem menos nobres, com ajuda de alguns amigos precisou despistar eles, e agora diz que seus poderes sumiram, ainda ajuda a encontrar crianças desaparecidas de forma bem discreta, mas isso não quer dizer que o governo não esteja de olho. 

Agora que as coisas estão tão normais quanto se poderia estar quando se tem poderes sobrenaturais e se finge não os ter, Jess leva uma vida normal, ou quase, já que ela ainda ajuda o disque-desaparecidos, e o FBI não sai do seu pé, mas ela também tem os típicos problemas de uma adolescente 16 anos quase 17, como, por exemplo, o que fazer para fugir do trabalho obrigatório no restaurante dos pais durante as férias de verão.

Não tem jeito, a única opção além de trabalhar no restaurante, é uma vaga de monitora em um acampamento musical, onde sua amiga trabalha há vários anos. Ela fica bem animada, já que ela é flautista, mas tudo da errado desde o começo, e as coisas só tendem a ficar pior para Jess. 

Para começo de conversa, ela é transferida do dormitório das garotas, para se monitora de um grupo de meninos endiabrados, e para piorar sua substituta é ninguém menos que Karen Sue, a garota mais detestável do mundo. Mas até aí tudo bem, não é algo tão horrível assim, os meninos por mais levados que sejam não são páreo para Jess, e não há nada melhor do que implicar com Karen Sue.

Mas as coisas começam a ficar complicados quando Jess é abordada por um pai desesperado que esta a procura de sua filha desaparecida. No primeiro momento, ela não quer nem saber, mas aí ela vê uma foto da garota, e não consegue não se solidarizar com o pai e se conectar com a criança, mas antes de dar uma resposta sobre ajudar ou não, ela precisa investigar em que condições a menina vive, já que no passado um erro seu quase separou uma família. 

E é nesse momento em que as coisas ficam ruins mesmo. Veja bem, quando se mete nesses problemas a intenção de Jess são sempre nobres, fazer pais desesperados encontrar seus filhos desaparecidos, é gratificante, mas fazer isso quando se tem o FBI em seu encalço, e quando se irrita tanto uma pessoa a ponto de que ela te jura de morte, te faz rever alguns conceitos. 

Sou sempre suspeita para falar de Meg Cabot, já que sou fã incondicional da autora, mas acredite em mim quando digo que essa é uma das melhores séries YA, tem uma história empolgante e envolvente, uma protagonista que é impossível não gostar e um mocinho de tirar o fôlego.

Jessica é uma protagonista carismática, não é cheia daqueles mimimi que muitas vezes faz a gente sentir vontade de esganar algumas protagonistas, ela é sarcástica, boa de briga, e tem sérios problemas para controlar seu temperamento, principalmente quando está em jogo sua segurança ou daqueles que ela ama. Rob é um mocinho que faz qualquer uma suspirar, e esse toque de proibido na relação dele com a Jess, deixa tudo ainda melhor. 

Eu recomendo esse livro para quem está procurando uma boa leitura para se divertir e dar muitas risadas, para quem gosta de protagonistas apaixonantes e um belo bad boy, você vai encontrar tudo isso aqui. E os preços, por incrível que pareça, são lindos, surpreendentemente, então aproveita.

Livros já lançados no Brasil:
Codinome Cassandra - skoob || Compare preços 
Esconderijo Perfeito - skoob || Compare preços 

7 comentários:

  1. Um dia ainda leio essa série. Mas primeiro preciso terminar A Mediadora!

    ResponderExcluir
  2. Ju estou cada dia mais curiosa com essa série. Muito interessante o enredo além de que essa questão da personalidade da protagonista ajudar muito. Valeu pela ótima dica.
    Parabéns pela resenha fantástica e continue assim com ótimas leituras.

    P.s. Te espero lá no meu cantinho!!!!
    Leituras, vida e paixões!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Oi Ju!
    Também adoro os livros da Meg Cabot, ainda não li nada dessa série e estou curiosa. Acho que tem chances de eu gostar já que tem um bad boy na história. Adorei a resenha. :)
    Beijos,

    Rafa{Fascinada por Histórias}

    ResponderExcluir
  4. Oi amiga, tb sou fã da autora hehe
    eu só li o primeiro, to doida para ler o segundo livro...
    Adorei ler sobre seu ponto de vista..

    PS: Eu ainda gosto mais da série A mediadora ^^

    beijos mila
    http://www.dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu tbm AMO essa série, apesar de achar que o primeiro foi superior do que esse. =)

    O que mais gosto, além claro da Jess ser uma ótima protagonista, é o fato dos "poderes" dela não ficarem escondidos, hahahaha. Rende bastante situação cômica! :D

    Beijo grande!
    Lygia - Brincando com Livros

    ResponderExcluir
  6. Oie...
    NUNCA LI nenhum livro da Meg ... sim eu admito! -_-
    Mai pretendo mudar isso em breve pq todos falam tanto dos livros dela que as vezes eu me sinto uma deslocada kkkk
    Adorei a resenha!
    Obrigada pela visita lá no blog !!! \o/
    Tem resenha nova, se vc puder ir e
    deixar um comentário me deixaria muito feliz =D
    Bjão
    -Rê
    -Fallen In Me

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Adoro os livros da Meg, e não tem como não dar 5 (ou pelo menos perto disso) a nota de todos os seus trabalhos. Já tinha ouvido falar desse, mas passei a conhecer mais. Adorei saber que o nome da protagonista é o mesmo do meu (minha xará hehehe) e com certeza logo partirei para a leitura desse.
    O unico problema da Meg é que os preços dos seus livros sempre são um pouco salgadinhos =(
    Adorei a resenha!

    Beijos,
    Jéssica,
    http://www.bestherapy.net/

    ResponderExcluir

Oi!! Eu falo muito abobrinha, então obrigado por comentar.

Lembre-se de ter cuidado com os spoilers, e sempre respeite as opiniões contrárias.